Capitão Dorgival Cerqueira Lima, 55 anos, vinha desde 11 de junho lutando contra o novo Coronavírus. Soldados Rachel Maria Neta e Marcos Góis também não resistiram.

O capitão Dorgival Cerqueira Lima, 55 anos, subcomandante da 44ª CIPM de Medeiros Neto, morreu nesta madrugada de sábado, 25 de julho, vítima da Covid-19. Desde 11 de junho, que o subcomandante Dorgival vem lutando contra o novo Coronavírus. Após ter procurado o Hospital de Medeiros Neto com os sintomas, ele foi encaminhado para Teixeira de Freitas, onde deu entrada na UTI do Hospital Sobrasa


No dia 13 de junho, ele apresentava 30% de saturação (oxigênio no sangue), em seu quadro clínico e foi entubado. Após 44 dias lutando pela vida, ele não resistiu e veio a óbito. O capitão Dirgival estava à frente como subcomandante da 44ª CIPM de Medeiros Neto desde 2016, onde tinha o respeito e admiração dos seus comandados, bem como da comunidade.

Outros dois militares morreram

Dois policiais Militares morreram nas últimas horas de Covid-19 na cidade de Ilhéus. A primeira vítima foi o soldado Marcos Góis. Marcos estava internado há cerca de duas semanas na UTI – Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Ilhéus e morreu na noite da última quinta-feira (23). Ele morava no Teotônio Vilela, era evangélico e deixa esposa e duas filhas.

EM 24 HORAS, DOIS POLICIAIS MILITARES MORREM DE COVID-19 NO SUL DA ...

Já nesta sexta-feira (24), foi a óbito, a Cabo PM Rachel Maria da Silva Neta, 45 anos, lotada no 2º Batalhão. Ela estava internada na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Ilhéus em estado grave e não resistiu. Rachel Maria era casada e deixa dois filhos. Estava na corporação desde 1998. // Ubaitaba Urgente.