Vítimas foram identificadas. “Foi de cortar o coração, ele morreu abraçado com a bíblia”, disse uma testemunha.

Um casal de idosos morreu no início da manhã desta sexta-feira (4) em um grave acidente ocorrido na rodovia BR-324, trecho do município de Jacobina, próximo ao aceso para o distrito de Cachoeira Grande. O acidente envolveu um veículo Duster e um Fiesta – este segundo onde o casal de idosos estava. No acidente, o idoso que conduzia o veículo Fiesta ficou preso nas ferragens e morreu no local. A identidade dele ainda não foi divulgada.



A esposa dele, identificada como Roseli Ferreira Alves, conhecida como Ninha, foi socorrida em uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu. O casal havia passado a morar na comunidade de Escôncio, mas antes eram residentes do bairro Bananeira, em Jacobina. “Foi de cortar o coração, ele morreu abraçado com a bíblia”, disse ao Jacobina Notícias uma testemunha.

No veículo Duster, conforme apurou a reportagem, estavam um padre da cidade de Caém e uma passageira, que não sofreram ferimentos graves. Eles seguiam com destino a Salvador, enquanto que o casal havia deixado o distrito do Escôncio com destino a Jacobina. Segundo relatos do padre, o acidente aconteceu por volta das 5h. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi acionada para registrar o acidente. Os corpos das vítimas serão encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) de Jacobina. Ainda não há detalhes sobre as circunstâncias do acidente. Entretanto, o padre teria citado a ausência de sinalização horizontal dividindo a pista, que passa por obras de manutenção, como algo que pode ter influenciado para ocasionar o acidente. // Jacobina Notícias.