Candidatos foram os dois mais votados no dia 15 de novembro. Programa foi apresentado pelo jornalista Judson Almeida, da TV Sudoeste.



Os dois candidatos que disputam em segundo turno a Prefeitura de Vitória da Conquista, cidade do sudoeste da Bahia, participaram, na noite desta sexta-feira (27), do debate promovido pela TV Sudoeste. Durante o programa, Herzem Gusmão (MDB) e Zé Raimundo (PT) falaram sobre temas livres e também fizeram questionamentos aos concorrentes com assuntos pré-determinados. O debate, que teve mediação do jornalista Judson Almeida, da TV Sudoeste, foi dividido em três blocos e teve duração de uma hora e oito minutos. As regras do programa foram definidas com representantes dos partidos previamente.

CLIQUE AQUI
, para assistir o 1º bloco.

CLIQUE AQUI, para assistir o 2º bloco.
CLIQUE AQUI, para assistir o 3º bloco.

No primeiro bloco, os candidatos fizeram perguntas entre si, com temas livres. Obras e infraestrutura, esportes, transportes, educação, cultura foram os assuntos que pautaram a primeira etapa da sabatina. No segundo bloco, de temas pré-determinados, os candidatos falaram sobre propostas para o transporte público, animais de rua, atenção à população de rua e atendimento nos postos de saúde. No terceiro bloco, que também foi de temas livres, os candidatos voltaram a abordar as propostas para a área de infraestrutura ao falarem sobre o asfaltamento nas ruas, e também sobre o transporte público. Além desses temas, os dois candidatos falaram sobre atuação na zona rural e propostas para a área da saúde. No primeiro turno, o candidato a prefeito mais votado foi Zé Raimundo, que teve 81.721 votos (47,63%). O segundo mais votado foi Herzem Gusmão, que obteve 78.732 (45,89% ). Eles tiveram outros concorrentes: David Salomão (PRTB), Romilson Filho (PP), Cabo Herling (PSL), Maris Stella (REDE), Professor Ferdinand (PSOL).

Considerações finais

O último bloco foi reservado para que cada um dos candidatos fizesse as considerações finais. Veja o que cada um disse:

Herzem Gusmão (MDB): “Nós queremos anunciar para Conquista que nós iniciamos uma obra fantástica, o acesso para o aeroporto, os campinhos, porque o nosso aeroporto só tem a BR-116. Nós estamos felizes com tantas realizações. Nós agradecemos a Deus. Nós que planejamos essa cidade. As bênçãos de Deus recaem sobre essa cidade. Conquista está comparando, nunca se realizou tantas obras em tão pouco tempo. Algo inédito: nós entregamos mais de 6 mil escrituras. Nenhum prefeito na história de Conquista fez isso, dando dignidade às pessoas. Priorizamos a periferia, a zona rural, o centro, embelezando essa cidade. A cidade a cada dia mais agradável, mais leve, mais prazerosa para se morar. Portanto, eu estou feliz e por isso que a cidade reconhece que igreja aberta é 15. Que comércio aberto é 15. Mais saúde, mais planejamento é 15. Eu diria que Vitória da Conquista, uma cidade que avança, com essas mais subprefeituras é 15. Vamos copiar Neto, que tem prefeitura de bairro. Vamos lançar, a partir do ano que vem, prefeitura de bairro. Nós temos bairros que são verdadeiras cidade. E nós precisamos, assim como vamos fazer na zona rural. Iremos buscar esses bairros gigantes para colocar uma prefeitura de bairro. Bairros esquecidos 40 anos. O Conveima ficou sem asfalto, precisou a gente chegar. Mas, Conquista, domingo é o dia para o exercício da cidadania e democracia. Permaneçam em paz. Vote com convicção. Nos dê esse voto de confiança. Conquista está analisando os nossos quatro anos. Tantas obras, tantas realizações, com planejamento estratégico. Trouxemos a Dom Cabral, a FEP (Fundação Escola Politécnica). Tantas assessorias: Curitiba, Via 11. Muito obrigado Conquista, que deus nos abençoe e que nós iremos nesse domingo à vitória com o 15. Um grande abraço e até domingo”.

Candidatos à Prefeitura de Vitória da Conquista discutem propostas em debate na TV — Foto: Thiago Araújo / TV Sudoeste

Zé Raimundo (PT): “Muito obrigado, Vitória da Conquista. Meus amigos, minhas amigas, meus companheiros; lideranças comunitárias, religiosas, evangélicas, católicas. De todas as religiões, as religiões afro-brasileiras, espirituais. Todos os companheiros e companheiras que marcharam comigo e com Luciana, essa querida jornalista, jovem que gosta da cultura, que vai estar ao meu lado, se Deus permitir, a partir de janeiro, trabalhando pela nossa cidade. Eu queria agradecer a vocês pela confiança que vocês me deram. Agradecer as nossas lideranças políticas, os nossos deputados federais, os nosso senadores, o nosso governador, os nossos vereadores. Eu quero contar com vocês para poder conseguir recursos. Infelizmente, o prefeito atual não conseguiu trazer uma obra para Vitória da Conquista por conta própria. O que ele fez foram investimentos, empréstimos que nós deixamos e que a Câmara aprovou. Eu quero desejar a cada um de vocês, aos jovens, muita esperança. Eu estou na política não para cultivar o ódio, não para cultivar a raiva. Estou na política há mais de 55 anos porque desde os 12 anos que eu milito em grupo de jovens. Deus me permitiu que eu chegasse a vice-prefeito e prefeito dessa querida cidade que é referência nacional. Eu quero construir uma grande parceria com a sociedade de Vitória da Conquista. Com os empresários, com os movimentos sociais para que a gente retome o crescimento. Vamos trabalhar para nós duplicarmos a BR-116, a Rio-Bahia, para que Conquista receba novos investimentos. Com Rui, já fizemos aeroporto. Está chegando aí a nova barragem para poder garantir recursos hídricos. Vamos terminar o Hospital Afrânio Peixoto, 65 leitos. Vamos implantar o centro de saúde mulher. Vamos levar exames especializados para os distritos. Vamos duplicar a participação de Vitória da Conquista na nossa policlínica, que o prefeito Herzem não quis. Não queria policlínica, no final foi forçado. Portanto, que Deus nos abençoe e, nesse domingo, vote 13. Vote Zé, vote PT”.// Vitoria da Conquista Noticias