Helbert Augusto dos Santos, 22 anos, suspeito de matar o guarda municipal identificado como Volpiani, 35 anos, morreu na noite de sexta-feira (19), no bairro Jardim Tamoio, em Jundiaí, no interior de São Paulo.

Os guardas realizavam rondas em um local conhecido como ponto de tráfico de drogas na avenida Carlos Ângelo Mathion, quando abordou um suspeito. O suspeito ainda teria tentado fugir dos agentes no momento da abordagem, mas foi alcançado pelos guardas.

Mobilizado, Helbert conseguiu pegar a arma do agente e atirar na boca do guarda municipal, que morreu no local. O abordado também morreu no local, após o parceiro de viatura reagir.

De acordo com o delegado Luiz Carlos Branco Júnior, Helbert era procurado da Justiça de Jundiaí, mas não forneceu outras informações para não atrapalhar as investigações.

Segundo informação da família, o corpo será transladado para o município baiano de Malhada, no Médio São Francisco. (Folha do Vale)