Nesta antevéspera de Natal, o site dos Correios está fora do ar. Os dias que antecedem a principal data para o comércio do ano é também de grande acesso dos consumidores das plataformas eletrônicas da empresa para acompanhar o rastreamento de encomendas.
A prática ganhou ainda mais adeptos durante a pandemia, com as compras online se tornando a alternativa possível em momentos em que não era permitido sair de casa. O hábito, no entanto, veio para ficar entre os brasileiros.
Os Correios ainda não se manifestaram formalmente sobre o ocorrido, nem para o público externo e nem para seus funcionários. Portanto, não é possível saber ainda se trata-se de um ataque de hacker, de sobrecarga de uso por causa do aumento de acessos ou um problema de outra natureza.