Esposa de personal afirma que queria “cumprir seu propósito”/ Foto: Reprodução

O caso do personal trainer Eduardo Alves, de 31 anos, que presenciou sua esposa fazendo sexo com um homem em situação de rua dentro do carro, incendiou as redes sociais.

Eduardo viu-a com o desconhecido, sem roupas na última quarta-feira (9), em Planaltina, no Distrito Federal. Achou que a mulher estivesse sendo estuprada. O “mendigo” teve que ser socorrido, bastante machucado, e a polícia investiga o ocorrido.

Segundo a família, a mulher está internada em um hospital particular. Depoimento indicaria “sinais de delírio com motivações religiosas”.

“A Sandra sempre foi uma mulher honesta, trabalhadora, temos atividades profissionais e filhos pequenos. O que aconteceu na última quarta-feira foi algo terrível que nunca havíamos vivenciado. Seguimos confiantes no trabalho de investigação da Polícia Civil do DF e do Ministério Público do DF”, disse o marido.

Sandra, ou “irmã Sandrinha”, é uma empresária “gospel e solidária”. De acordo com Eduardo, ele, a esposa e a mãe dele saíram de casa a fim de ajudar o homem.

No entanto, logo as duas teriam se separado. Num áudio que vazou, Sandra conta que teve relações com o outro porque o enxergava “ora como Deus”, “ora como o marido”. A sogra teria presenciado uma cena de beijo entre os dois