Na noite desta terça-feira (05) o radialista José Antônio Oliveira da Silva, o Jota Silva, de 60 anos, foi encontrado morto dentro da residência onde morava, no bairro Manoel Leão, em Itabuna. Paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) constataram o óbito e uma equipe do Departamento de Polícia Técnica de Itabuna foi acionada para realizar perícia e remoção do corpo.

Segundo informou o site Verdinho Itabuna, Jota Silva foi encontrado despido, dentro do quarto da sua casa. Tudo indica que o radialista lutou para sobreviver. O quarto estava completamente revirado, e a vítima caída em decúbito ventral com as pernas em cima de uma das gavetas da cômoda.

Não existia perfurações de arma no corpo do radialista, e sim manchas de sangue que saíam pela boca e pelo nariz. A suspeita é que ele pode ter sido morto asfixiado pelo seu companheiro que ainda não foi identificado. Poucas horas antes de sua morte, Jota foi visto em companhia de um jovem, com quem supostamente mantinha relação afetiva. Uma vizinha relatou à polícia que viu este jovem tentando sair com o carro de Jota Silva, mas não conseguiu. A Polícia Civil já iniciou as investigações. Jota Silva tinha um programa na Rádio Jornal de Itabuna, e era líder de audiência no seu horário.//
Foto: Redes Sociais